5 Sugestões para contratar uma bordadeira

 

Se você possui um ateliê de costura em sua casa ou em uma loja na rua, e precisa contratar uma bordadeira para lhe ajudar com suas entregas, confira algumas dicas super importantes que podem ajudar o seu negócio a avançar em qualidade e funcionalidade.

Dica 01 (4)

A primeira sugestão é a confiança. Você precisa contratar uma pessoa que lhe passe confiança e que você sinta que será além de um funcionário, um grande amigo. Uma pessoa em que você vai confiar o seu trabalho e a qualidade do seu serviço, por isso, busque chamar um amigo ou peça indicação de pessoas que você conhece, para contratar alguém com alto profissionalismo.

Dica 01 (5)

A segunda sugestão é você aplicar testes em quem você pretende contratar. Sim, porque não adianta você ter uma pessoa de confiança ao seu lado, que não faça o serviço de bordados corretamente. Peça para a pessoa realizar diversos tipos de trabalhos diferentes, para que você visualize a qualidade dos trabalhos que ela produz, assim como o tempo que leva para fazer cada peça.

Dica 01 (6)

A terceira sugestão é você definir como essa pessoa irá ajudar em seu negócio. Todos os pedidos de bordados serão feitos por ela, ou somente alguns? Se ela for cuidar de todos os bordados, você precisar criar uma agenda de pedidos, para que ela tenha tempo de criar os bordados com qualidade, evitando que acumule um alto número de pedidos e não possa dar conta de entregar todos no tempo certo.

Dica 01 (7)

A quarta sugestão é fazer um contrato de trabalho com essa pessoa, para que direitos e deveres fiquem claros e possam ser uma forma de segurança para ambos, tornando a parceria algo mais profissional. Isso inclui horário de trabalho, salário, função e atividades bem alinhados. Isso precisa estar muito claro entre vocês, evitando no futuro dúvidas ou transtornos.

Dica 01 (8)

A quinta sugestão é tratar sua bordadeira com carinho para que ela se sinta sempre querida e feliz no local de trabalho em que ela atua. Atente-se ao dia do aniversário dela, ao período de férias e claro aos problemas ou momentos pessoais que devem ser respeitados, como uma consulta médica, ou qualquer outro compromisso pessoal que possa surgir. Entenda que isso não significa dar uma folga semanal para ela, afinal o bom senso precisa ocorrer. Mas seja bondosa em dar um pouco de liberdade para sua bordadeira, para que ela se sinta bem onde está trabalhando.

 

Gostou? Então não se esqueça de curtir nossa página no Facebook e acompanhar nossos posts sempre diferentes e recheados de informações super interessantes para os amantes do mundo da costura. Tudo que você deseja saber sobre costura, temas tradicionais ou novidades, você sempre encontra aqui, no blog Costurebem.

 

Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here